Geral

Oswaldo Cruz



Oswaldo Cruz: importante cientista brasileiro

Quem foi

Oswaldo Cruz foi um grande pesquisador que atuou como cientista, médico, bacteriologista, epidemiologista e sanitarista brasileiro. Foi o pioneiro no estudo de doenças tropicais e da medicina experimental no Brasil.

Biografia resumida e estudos principais

Em 1900, fundou o Instituto Soroterápico Nacional, no Rio de Janeiro, que depois passou a se chamar Instituto Oswaldo Cruz, instituição que possui grande respeito internacional.

Osvaldo Cruz iniciou sua graduação no ano de 1887, na Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro. Em 1896 foi para Paris e ingressou no Instituto Pasteur como estagiário.

Quando retornou ao Brasil, no ano de 1899, ele trabalhou no combate ao surto de peste bubônica, que ocorria em Santos, e em outras cidades portuárias brasileiras.

Durante esta fase ele defendeu a ideia de que a epidemia somente poderia ser controlada com o uso do soro adequado. Por isso, sugeriu que o governo instalasse um instituto para fabricação deste “medicamento”, uma vez que, a importação naquela época era muito demorada.

A partir daí, deu-se início a criação do Instituto Soroterápico Nacional. Em 1903, Osvaldo Cruz atuava neste instituto como diretor geral da saúde pública.

Durante sua atuação, ele coordenou campanhas para erradicação da febre amarela, varíola e eliminação dos focos de insetos transmissores de doenças tropicais.

Com o objetivo de erradicar as moléstias contagiosas, promoveu uma campanha de vacinação forçada, que acabou sendo conhecida como a Revolta da Vacina.

No ano de 1916, ele colaborou para a fundação da Academia Brasileira de Ciências, e se tornou prefeito de Petrópolis, RJ. Faleceu no ano seguinte devido a problemas de saúde.

Charge de 1904 sobre a Revolta da Vacina: a esquerda, no centro, Oswaldo Cruz liderando a campanha de vacinação obrigatória.